XII EDIÇÃO MOSTRA DO FOMENTO À DANÇA

blog-image
Compartilhe

A Mostra do Fomento à Dança chega à sua XII Edição reunindo artistas, diretores, produtores e todos os envolvidos nos projetos contemplados na 22ª, 23ª e 24ª Edições do Programa Municipal de Fomento à Dança, da Secretaria Municipal de Cultura de São Paulo. O evento, que acontece de 5 a 14 de novembro, irá apresentar diversas ações ligadas as pesquisas, criações das companhias para concepção dos espetáculos como seminários, oficinas, debates e bate papos, tudo de forma gratuita em diversos pontos da cidade, entre espaços culturais, ruas e praças, fortalecendo o trabalho dos artistas que ajudaram a consolidar a dança como mais uma opção de entretenimento cultural na cidade em 2018.

Serão 25 núcleos artísticos com apresentações criadas e pensadas de acordo com as características locais para os diversos pontos da capital. A Mostra tem, portanto, um caráter de força e de união entre os participantes e, acima de tudo, quer difundir a dança contemporânea produzida ao longo dos anos na cidade.

O Fomento é um movimento construído pela classe da dança paulistana, que existe desde 2005. Pode ser considerado uma conquista política, de luta pela arte e fruto da articulação dos artistas locais. Ao longo das semanas da Mostra, o público confere a ocupação dos espaços pelos grupos que foram de grande importância para a ampliação da dança contemporânea da cidade.

Destaques dia a dia - Mostra do Fomento à Dança

Abertura

O grupo Fragmento Urbano vai abrir a mostra no dia 5 de novembro, às 17h, com o Cortejo Jam, que faz parte da pesquisa para o projeto “Encruzilhada”, que é inspirado nas festas negras, festas de dança urbana e claro festas de cortejo. Grupos de percussão e uma DJ passearão pelas ruas do bairro de Arthur Alvin na Zona Leste, com diversas linguagens das músicas negras, original funk, Hip Hop, afoxé e sampa reggae. Tudo isso em uma festa que junta a possibilidade de tambores ancestrais e das pick-ups, além de tambores contemporâneos para que o público caia na dança.

Seminários

Dois dias de muita informação, opinião e debates sobra os rumos da dança acontecerão em quatro seminários realizados no Centro Cultural da Penha, nos dias 6 e 7 de novembro das 16h às 21h. Os seminários da “XII Mostra do Fomento à Dança” foram idealizados para promover o debate sobre temas emergentes da linguagem por meio de provações vindas de especialistas do segmento e intervenções artísticas. As mesas de discussão terão pelo menos três convidados e um mediador para discutir as seguintes abordagens: Dramaturgia à Dança, Pluralidade da Dança: Linguagens e Territórios, O impacto da precarização do trabalho do artista: em cena e na forma e fechando A relação entre editais públicos e modos de produção na Dança.

Oficinas de Imersão

Em dois dias acontecerão várias oficinas de imersão à dança em dois espaços culturais da cidade. O intuito é discutir os rumos da dança e mostrar trabalhos que resultaram das pesquisas realizadas com o apoio do Fomento. No dia 8 de novembro das 10h às 19h, a Oficina Cultural Oswald de Andrade receberá cinco grupos artísticos que apresentarão seus espetáculos. São eles: Grupo Lagartixa na Janela, Dança Sem Fronteiras, Oficina Pé no Mundo, Oficina Núcleo de Improvisação e Jam Cia Corpocena.

No dia 9 de novembro o CRD – Centro de Referência à Dança – vai receber três companhias, das 10h às 16h, que vão apresentar seus trabalhos. São elas: Cia Druw, Oficina Criativos Br e Núcleo Entretanto. 

Embate Experimento

No dia 10 de novembro, na Galeria Olido, das 14h às 18h, acontece o embate experimento, que tem a proposta de promover um choque de ideias, onde 16 dançarinos e três músicos disputam entre si, sorteando 29 palavras norteadoras de movimentos. A disputa será avaliada por três jurados para definir quem será o vencedor e vai conquistar a prêmio final.

Pelas ruas

Além da abertura com o Cortejo Jam do grupo Fragmento Urbano, no dia 11 de novembro as ruas da Zona Leste ficarão em festa com os grupos Núcleo Ximbra, Silenciosas e Cybernétikos, que vão apresentam as margens da Linha Safira da CPTM o Sarau Urutu, das 14h às 21h, como forma de uma assembleia poética, trazendo reflexões de ordem pública ao cotidiano daquele beco periférico na cidade. 

Mostra de vídeos

No dia 12 de novembro o Espaço Cultural Casa da Vila recebe a Mostra de Vídeodança. Serão exibidos vários trabalhos desenvolvidos por cinco companhias, numa espécie de sessão de cinema com pipoca e refrigerante. Após a exibição dos vídeos vai acontecer um bate papo com os integrantes da Cia da Vila, Damas em Trânsito, Criativos Br, Grua e Sansacroma.

Espetáculos e bate papo

Nos dois últimos dias da Mostra do Fomento à Dança acontece no CRD - Centro de Referência a Dança – o encerramento do evento com os vários espetáculos de dança. Após a apresentação do Grupo Divina Dança no dia 13 de novembro, haverá um bate papo antes do fechamento do dia com a Cia Druw. No dia 14, das 17h às 21h, serão exibidos quatro espetáculos de dança das companhias Gumboot, Insaio, T.F Style Cia de Dança e Cia Oito Nova Dança.

Serviço:

XII Mostra do Fomento à Dança – De 5 de novembro a 14 de novembro de 2018

Abertura: Fragmento Urbano – dia 05/11, segunda-feira, 17h, no Espaço Cultural Adebankê

Rua Durande, 175 Arthur Alvim – ao lado do Metrô Arthur Alvim

Locais de realização

Centro de Referência da Dança – CRD (Baixos do Viaduto do Chá s.n., Galeria Formosa – Centro | Tel. 3214 3249;

Cia da Vila (Av. Engenheiro Armando de Arruda Pereira, 943B Vila Guarani - Tel. 5017.3280

Urutu (Rua Urutu – Jardim Matarazzo, São Paulo)

Centro Cultural Oswald de Andrade Rua Três Rios, 363 – Bom Retiro Tel: 3222-2662

Centro Cultural da Penha – Largo do Rosário, 20 - Penha de Franca, São Paulo Tel. 2295-0401

Galeria Olido (Av. São João, 473 – Centro - Tel: 3331-8399

Espaço Cultural Cia da Vila: Av. Engenheiro Armando de Arruda Pereira, 943B – Vila Guarani Tel:5017.3280