São Paulo Companhia de Dança estreia temporada 2019 no Teatro Sérgio Cardoso

blog-image
Compartilhe

São Paulo Companhia de Dança estreia temporada 2019 no Teatro Sérgio Cardoso

Companhia apresenta três estreias e uma pré-estreia, totalizando cinco coreografias de nomes nacionais e internacionais

A São Paulo Companhia de Dança, corpo artístico da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Governo do Estado de São Paulo, gerida pela Associação Pró-Dança e dirigida por Inês Bogéa, retorna ao Brasil - após uma turnê de sucesso pela Alemanha, França, Holanda e Suíça -  para apresentar sua temporada, titulada Sem Fronteiras, no Teatro Sérgio Cardoso, em São Paulo. Serão dois programas: 06 a 09 de junho e 13 a 16 de junho.

“Uma jovem companhia ultradinâmica e com uma técnica impecável é o argumento de venda que o Chaillot – Théâtre National de la Danse – usou para interessar o público sobre a vinda da São Paulo Companhia de Dança. É preciso admitir que o slogan corresponde à realidade e que o público parisiense não poupou seus aplausos para este grupo criado em janeiro de 2008”, comenta Yves Bourgade (site francês WebThéâtre).

Entre os dias 06 e 09 de junho, a Companhia estreia Agora,  de  Cassi Abranches. O novo trabalho é a terceira criação da coreógrafa para a São Paulo e aborda a palavra tempo em seus possíveis significados. Na mesma semana, teremos a pré-estreia do novo trabalho do canadense Édouard Lock – uma produção da Associação Pró-Dança e coprodução com o Festival Movimentos em Wolfsburg, na Alemanha. A coreografia tem como trilha sonora trechos de óperas icônicas da era romântica, descontruídos.

A temporada deste ano tem como mote passos de dança sem fronteiras que dialogam com o tempo presente, turbulento e vivo, acelerado e intenso, de questionamentos, encontros e desencontros, e coloca em cena obras de grandes nomes da dança do Brasil e do mundo”, explica Inês Bogéa, diretora artística da Companhia.

As novidades não param por aí, no segundo programa de 13 a 16 de junho, a Companhia apresenta mais uma obra inédita: A Morte do Cisne, de Lars Van Cauwenbergh, um solo emblemático criado em 1907 por Michel Fokine (1880-1942) especialmente para a bailarina Anna Pavlova (1881-1931). O programa da noite também será formado pela estreia do Balé Pulcinella na temporada do Teatro Sérgio Cardoso: uma coreografia neoclássica do italiano Giovanni Di Palma, que utiliza sapatilhas de ponta para contar a história de Pulcinella, famoso personagem da Commedia Dell’arte.

Para completar o repertório do segundo programa da temporada, Suíte para Dois Pianos, do alemão Uwe Scholz (1958-2004), um dos grandes nomes da dança mundial, com quatro obras de Wassily Kandinsky projetadas ao fundo da cena enquanto bailarinos dançam.

Os interessados em assistir aos espetáculos da São Paulo Companhia de Dança podem adquirir os ingressos – R$ 65,00 (plateia central/inteira), R$ 50,00 (plateia lateral/inteira) e R$ 40,00 (balcão/inteira) - diretamente na bilheteria do Teatro Sérgio Cardoso ou pelo site e/ou aplicativo Ingresso Rápido.

Para mais informações, acesse: www.spcd.com.br

 

Outras atividades

Por dentro do espetáculo

Durante toda a temporada da São Paulo Companhia de Dança, Inês Bogéa comanda o Por Dentro do Espetáculo. Neste encontro, a diretora artística da Companhia, acompanhada por dois bailarinos, conta detalhes e curiosidades sobre os bastidores do programa que o público assistirá na sequência. A conversa acontece no terceiro andar (balcão) do Teatro Sérgio Cardoso, 45 minutos antes do início das apresentações. A entrada é gratuita.

Programas de educativos e de formação de plateia

Além das apresentações noturnas, a São Paulo apresentará um Espetáculo Gratuito para Estudantes e Terceira Idade no dia 14 de junho, sexta-feira, às 15h, também no Teatro Sérgio Cardoso. Na ação, o público estabelece um contato geral com o universo da dança: assiste à coreografia e aos trechos de obras do repertório da Companhia e recebe material didático com ilustrações assinadas por cartunistas brasileiros. Durante a atividade, Inês Bogéa sobe ao palco para mediar brincadeiras com os alunos, trazendo a dança para uma linguagem mais lúdica e divertida.

Ocupação SPCD

O Teatro Sérgio Cardoso torna-se a segunda casa da São Paulo. Durante a temporada, o espaço é transformado, estabelecendo uma identidade visual entre o público, o universo da dança e o da Companhia.

Exposição fotográfica

Durante a temporada da São Paulo Companhia de Dança, outra atividade está prevista: a exibição de algumas fotografias da São Paulo na Alemanha, França, Holanda e Suíça, durante sua primeira viagem internacional deste ano. Outras imagens também serão expostas, como as das apresentações que aconteceram no primeiro semestre de 2019 em diversas cidades do Estado de São Paulo. A exibição fotográfica acontece no hall de entrada do Teatro Sérgio Cardoso e a entrada é gratuita.

 

Quando e Onde

SÃO PAULO COMPANHIA DE DANÇA | TEMPORADA 2019 | TEATRO SÉRGIO CARDOSO

Estreia de Agora (2019), de Cassi Abranches | Pré-estreia de Édouard Lock (2019)

Dia 06 de junho | quinta-feira | às 20h

Dia 07 de junho | sexta-feira | às 20h

Dia 08 de junho | sábado | às 20h

Dia 09 de junho | domingo | às 17h

Estreia de A Morte do Cisne (2019), de Lars Van Cauwenbergh | Estreia do Balé Pulcinella (2017), de Giovanni Di Palma, na temporada do TSC | Suíte para Dois Pianos, de Uwe Scholz

Dia 13 de junho | quinta-feira | às 20h

Dia 14 de junho | sexta-feira | às 20h

Dia 15 de junho | sábado | às 20h

Dia 16 de junho | domingo | às 17h

Classificação etária: livre

Ingressos: R$ 65,00 (plateia central/inteira) | R$ 50,00 (plateia lateral/inteira) | R$ 40,00 (balcão/inteira).

Crédito imagem: Édouard Lock

 

Muito obrigado por ter chegado até aqui...

Ajude-nos a manter de pé o trabalho da Dança Brasil

O jornalismo vigia a arte da dança. Fiscaliza o poder em todas as suas dimensões. Está a serviço da arte da dança e da diversidade de opinião.

Há 27 anos Dança Brasil exercita o jornalismo transparente e o espírito crítico, fiel à verdade factual, atenta a diversidade cultural na area da dança.

Nunca antes o jornalismo se fez tão necessário e nunca dependeu tanto da contribuição de cada um dos leitores.

Faça parte da Dança Brasil assine, contribua com um veículo dedicado a produzir diariamente uma informação de qualidade, profunda e analítica.

A arte da dança agradece.

Clique no link abaixo e fa;a sua assinatura anual apenas R$ 55,00

https://www.paypal.com/webapps/hermes?token=32F02702HK5524050&useraction=commit&mfid=1553687958902_64c5971e79a3b