EM FEVEREIRO SESC PINHEIROS RECEBE ESPETÁCULOS DE DANÇA

blog-image
Compartilhe

Sesc Pinheiros recebe, em fevereiro, dois espetáculos de dança gratuitos, na Praça da Unidade. Nos dias 11 e 12/2 (sábado e domingo), às 16h, ocorre Yebo, com o Grupo Gumboot Dance Brasil. Já de 14 a 22/2 (terças e quartas-feiras), às 20h30, é a vez das bailarinas contemporâneas Christiana Cavalcanti, Dudude Herrmann e Tica Lemos apresentarem Solos Paulistanos. O trio ainda ministra a Oficina Temperada, nos dias 21 e 22/2, com inscrições de R$ 6 (credencial plena) a R$ 20 (inteira).

YEBO

Yebo é o segundo espetáculo do Grupo Gumboot Dance Brasil. A gumboot dance (dança de botas de borracha) é uma forma de dança popular que foi criada pelos trabalhadores no século XIX nas minas de ouro e de carvão da África do Sul. Nesse trabalho, o grupo aborda a exploração das minas e dos sete povos levados para extração do minério, a criação de um dialeto sonoro a partir das batidas nas botas de borracha e a espera das mulheres por seus maridos mineiros durante a temporada de exploração. 

O grupo Gumboot Dance Brasil começou em 2008, a partir da pesquisa do bailarino e coreógrafo Rubens Oliveira. Rubens teve sua formação inicial com Ivaldo Bertazzo, tendo feito parte de sua companhia durante oito anos. Depois disso trabalhou com profissionais como Antônio Nobrega, Inês Bogéa, Susana Mafra e Benjamin Taubkin. Teve contato com o gumboot na Cia. Ivaldo Bertazzo, com o grupo KOVA BROTHERS, da África do Sul e assim deu inicio a um grupo de pesquisa e fez uma viagem à África do Sul para conhecer a técnica direto na fonte. De volta ao Brasil, formou o Grupo Gumboot Dance Brasil, que estreou seu primeiro espetáculo em 2010 e, em seguida, Yebo (2013).

FICHA TÉCNICA – “YEBO”
Direção Geral:
 Rubens Oliveira
Direção Musical: Lenna Bahule
Pesquisa e argumento: Rubens Oliveira
Elenco: Danilo Nonato, Diego Henrique, Fernando Ramos, Lenna Bahule, Munique Mendes, Naruna Costa, Pamela Amy, Rafael Oliveira, Samira Marana, Silvana de Jesus, Washington Gabriel
Músicos: Eduardo Marmo e Mauricio Oliveira
 

SOLOS PAULISTANOS E OFICINA TEMPERADA

Solos Paulistanos reúne três artistas brasileiras da dança contemporânea que vivem em três estados distintos: Christiana Cavalcanti (RJ), Dudude Herrmann (MG) e Tica Lemos (SP). Desde 2011, elas vêm tecendo encontros e trabalhando a linguagem da improvisação e do movimento, experimentando os temperos que trazem em sua bagagem e buscando agir no mundo sem temer as surpresas das emoções e seus desenhos dramáticos, cômicos, poéticos e esquisitos. Cada uma desenvolveu sua produção e criação a partir de sua relação com o ambiente e, assim, as cidades (Rio de Janeiro, Belo Horizonte e São Paulo) estão impressas no corpo e o corpo também é impresso na cidade.

As três também comandam a Oficina Temperada, encontro entre modos distintos de experimentar e praticar o movimento, via afinidades e compartilhamento de fazeres entre as artistas: contato-improvisação, Kinomichi e Aikido. As afinidades são construídas pelo entendimento do que possa vir a ser o mover, o estar no mundo, o agir no mundo tendo como excelência a saúde, a gentileza, a percepção para com o outro. A atividade é dirigida a bailarinos, atores e interessados nas artes do corpo. As inscrições são feitas presencialmente, na Central de Atendimento (3º andar) da Unidade.

Christiana Cavalcanti é bailarina e coreógrafa, formada em Dança Contemporânea pelo CND (Centre National de la Danse de Paris). Em 1990 entrou em contato com o Kinomichi e desde então pratica a técnica regularmente, complementando seu trabalho de bailarina.

Dudude Herrmann é bailarina, improvisadora, performer, coreógrafa, diretora de espetáculos e professora de dança. Iniciou seus estudos nos anos 70, como parte da geração do grupo Trans-Forma BH/MG. Em 2011, lançou o livro “Caderno de Notações - a poética do movimento no espaço de fora”.

Tica Lemos é introdutora da técnica Contato Improvisação no Brasil. Foi uma das fundadoras do Estúdio Nova Dança, onde exerceu a função de diretora, bailarina, orientadora corporal e professora. É fundadora, pensadora corporal e intérprete da Cia. Nova Dança 4.

FICHA TÉCNICA – “SOLOS PAULISTANOS”
Intérpretes-criadoras e concepção:
 Christiana Cavalcanti (RJ), Dudude Herrmann (MG) e Tica Lemos (SP)
Musica ao vivo: Andrea Drigo e convidado
 

SERVIÇO
espetáculo

“YEBO” - COM GRUPO GUMBOOT DANCE BRASIL 
Dias 11 e 12 de fevereiro (sábado e domingo), às 16h
Duração: 45 minutos
Local: Praça
Livre. Grátis. Sem retirada de ingresso.
 

espetáculo
“SOLOS PAULISTANOS” - COM CHRIS CAVALCANTI (RJ), DUDUDE HERRMANN (MG) E TICA LEMOS (SP)
De 14 a 22 de fevereiro (terças e quartas), às 20h30
Duração: 60 minutos
Local: Praça
Livre. Grátis. Sem retirada de ingresso.
 

Oficina
“OFICINA TEMPERADA” - COM CHRIS CAVALCANTI (RJ), DUDUDE HERRMANN (MG) E TICA LEMOS (SP)
Dias 21 e 22 de fevereiro (terça e quarta), das 14h30 às 18h30
Local: Sala de Múltiplo Uso (3º andar)
Ingressos: R$ 20,00 (inteira). R$ 10,00 (meia: estudante, servidor de escola pública, + 60 anos, aposentados e pessoas com deficiência). R$ 6,00 (credencial plena: trabalhador do comércio de bens, serviços e turismo matriculado no Sesc e dependentes).Atividade dirigida a bailarinos, atores e interessados nas artes do corpo. Inscrições na Central de Atendimento (3º andar) da Unidade. Vagas limitadas.

SESC PINHEIROS
Endereço: Rua Paes Leme, 195.

Bilheteria: Terça a sábado das 10h às 21h. Domingos e feriados das 10h às 18h.
Tel.: 11 3095.9400.

Estacionamento com manobrista: Terça a sexta, das 7h às 22h; Sábado, domingo, feriado, das 10h às 19h. Taxas / veículos e motos: Credenciados plenos no Sesc: R$ 12 nas três primeiras horas e R$ 2 a cada hora adicional. Não credenciados no Sesc: R$ 18,00 nas três primeiras horas e R$ 3 a cada hora adicional.

Transporte Público: Metrô Faria Lima – 500m / Estação Pinheiros – 800m