Cinco dicas para conquistar seus alunos

Compartilhe

Cinco dicas para conquistar seus alunos

Professores de sucesso sabem que relacionamentos são a base de uma liderança eficaz. A verdadeira liderança só começa quando um relacionamento entre professor e aluno for saudável. Embora essa seja a realidade de muitos professores, alguns parecem andar caminhos controversos. Separei algumas dicas fundamentais, porém simples e práticas para gerar um bom relacionamento.

1 – Agradável

Embora essa regra pareça óbvia, existe uma grande diferença entre ser agradável quando está tudo bem e ser agradável de forma consistente. Ser continuamente agradável com todo tipo de aluno demanda um esforço intencional. Ser agradável com seus alunos quando as coisas em casa não estão bem, ou mesmo quando sua diretora acabou de destratá-la, é sem dúvidas, um grande desafio. Não estou dizendo que você precisa estar feliz e alegre 365 dias por ano, mas que você não tem o direito de destratar ninguém a partir do momento em que se tornou professora. E mais que não tratar mal, seu dever é tratar intencionalmente bem.

2 – Nomes

Estudos mostram que nosso nome é o som mais agradável que ouvimos. Mas quando você chama uma pessoa pelo nome, você não somente emite um som agradável capaz de fazê-la baixar a guarda para você, mas também mostra que a valoriza. Lembrar o nome dos seus alunos demonstra que você se interessa por cada um de forma individual e confirma que eles não são apenas números em uma sala de aula.

3 – Interesse

Manter o foco no interesse dos alunos demonstra um coração altruísta que não está em busca somente de técnica e de extrair até a última gota de suor do aluno. Ao conhecer os interesses, você demonstra que o indivíduo tem mais valor que o resultado que ele pode produzir. Todavia, o interesse legítimo é capaz de levar os alunos a produzirem mais e de forma mais consistente.

4 – Ajudar

O que muitos professores não se atentam é que todo aluno tem um profundo desejo de se sentir importante. Quando você pede ajuda aos alunos, elas imediatamente reconhecem que possuem valor. O fato de você ter sido o gatilho para esse sentimento abrirá as portas dos relacionamentos. Muito cuidado, porém, com essa regra. Solicitar ajuda eventual de seus alunos, demonstrando o quanto eles são competentes e diferenciados, é bem diferente de abusar da boa vontade deles gerando sobrecarga em sala de aula.

5 – Valorize

Por fim o fundamento mais essencial em sala de aula. Se você deseja gerar bons relacionamentos e ampliar sua influência e liderança, agregue valor aos alunos. Raramente um aluno será resistente a um professor que intencionalmente a ajuda a crescer se tornar bem-sucedido. Porém, para que essa regra seja eficaz, é preciso colocá-la em prática de forma constante e planejada. Sugiro, então, ao acordar todas as manhãs, fazer as seguintes perguntas: A quem vou agregar valor hoje? Como farei isso?  Ao final do dia, revise suas ações com as perguntas: A quem agreguei valor hoje? Qual foi o resultado disso?

Coloque em prática cada uma das regras de forma consistente, por tempo suficiente e veja verá seus relacionamentos aumentarem em quantidade e, principalmente, em qualidade. Liderança é influência e somente por meio de relacionamentos saudáveis você poderá construir uma liderança impactante e duradoura.

Eleusa Lourenzoni - Maitre de Ballet, Coach, Curadora Artística do Festival de Dança Brasil, Gala Ismael Guiser, Prëmio Personalidade da dança e Representante do World Ballet Competition no Brasil